17 de junho de 2024 23:01

Começa em São Luís (MA) o VI Encontro Nacional de Aposentados do PROIFES-Federação 

Teve início nesta quinta-feira (28) na capital maranhense o VI Encontro Nacional de aposentados promovido pelo GT aposentados do PROIFES. O evento reúne representantes dos sindicatos federados com o propósito de debater o papel vital que os aposentados desempenham na luta pela educação pública, a tramitação do PL 1457, influência da Federação e sindicatos na aprovação da PEC 555, que extingue a contribuição previdenciária dos servidores públicos aposentados e pensionistas , bem como o fortalecimento da federação dentro dos sindicatos federados.

Estiveram na mesa de abertura o coordenador do GT aposentados, Patryckson Santos, o presidente do PROIFES, Nilton Brandão, o vice-presidente, Wellington Duarte, a diretora de seguridade social, Raquel Nery, e o diretor tesoureiro do PROIFES, Flávio Silva.

Patryckson Santos abriu o encontro reforçando a importância do evento. “ Esse é um momento de troca de experiências que nos possibilita o fortalecimento da Federação e do GT aposentados. Se existem problemas de aposentadoria, esse é um problema de todos nós,estamos aqui para traçar estratégias para que algumas rotas que foram criadas no passado sejam recalculadas” afirmou Patryckson.

Nilton Brandão saudou e agradeceu todos os presentes destacando a atuação do PROIFES na defesa da pauta dos aposentados. “É importante que os sindicatos proporcionem para os aposentados um espaço amplo de convivência e debate dentro de suas estruturas. O PROIFES tem como missão atuar de forma eficaz dentro das pautas de aposentadoria e na construção desse espaço,  essa é uma missão que perpassa a história do PROIFES, as lutas não são poucas e a aprovação da PEC 555 é um exemplo disso”, afirmou Brandão.

Wellington Duarte falou do expressivo número de aposentados que hoje compõem o Ministério da Educação, 27 % do total de servidores. “ Na discussão desse encontro precisamos ir além e olhar para esse segmento de maneira propositiva para que os aposentados venham de fato contribuir para as articulações políticas dentro dos sindicatos”, apontou Wellington.

Raquel Nery destacou a importância da pasta de seguridade social dentro da Federação.

“Precisamos dar a devida atenção para as pautas da seguridade social, somos uma categoria com quatro gerações de aposentados e daí a importância de se vigiar os aspectos relacionados à FUNPRESP. Também temos como prioridade a luta pela PEC 555. Os aposentados são parte fundamental na luta por uma aposentadoria digna e com qualidade de vida, isso também significa construir uma educação de qualidade”, afirmou Raquel.

PL 1457

No final da manhã o professor José Maxwell (ADURN-Sindicato), juntamente com o professor Patryckson Santos realizou uma breve apresentação a respeito do PL 1457 que permite  a dedução de despesas com medicamentos de uso contínuo e de alto custo da base de cálculo do imposto de renda das pessoas físicas. O projeto está em análise na Câmara dos deputados e o GT aposentados colocou como encaminhamento trabalhar junto aos membros da CCJ para que o PL seja votado em breve, sem alterações.

A programação do encontro segue até o sábado (30), com debates a respeito da PEC 555 e oficinas interativas. 

Gostou do conteúdo? compartilhe!

Pular para o conteúdo